Banho de lua: Saiba como fazer!

Olá meninas, hoje eu estou aqui para falar um pouquinho sobre um mal que me assombrou por muito tempo: depilação.

Mas como nós mulheres já conhecemos de cor cada trauma que a depilação pode trazer para a nossa vida, venho aqui para contar um segredinho que me ajudou muito!

Uma das coisas pelas quais o mundo feminino zela, além da beleza, é também o cuidado com a pele.

Mas nós sabemos bem que ser mulher está cada vez mais difícil, e nem tudo é um mar de rosas.

Irritação, vermelhidão, dor, desconforto. Essas são apenas algumas das consequências com as quais temos de lidar na hora de sumir com aqueles pelinhos.

Meus pelos sempre cresceram de uma forma super rápida, e apesar de eu ser loira, eu nunca entendi porque eles insistiam em nascer mais pretos do que a tinta de cabelo da minha mãe.

Uma alternativa para  não passar vergonha com aqueles pelinhos indesejados, e que ainda deixasse a minha pele mais clarinha e tão sedosa quanto bumbum de neném?

Como já dizia minha avó “na minha época” as coisas não eram assim tão fáceis não hehe.

Mas com o banho de lua, essa história de sonho já foi para o ralo.

O banho de lua é um tratamento que foi criado tanto para clarear os pelos do corpo, de uma forma estética, como para disfarça-los.

Principalmente durante o verão, essa técnica é ainda mais pedida nos salões.

Isso porque, além de tudo, ela também ressalta o tom dourado da pele e dá ainda mais vida ao bronze do verão.

A base da técnica é a aplicação de um produto descolorante sobre a pele, onde depois de agir por alguns minutos, a cor do pelo fica mais clarinha, em um tom mais loiro.

Mas além de tudo, o banho de lua também é um tratamento estético. Isso porque, antes do procedimento, muitas etapas como esfoliação, hidratação e afins são realizadas. Trazendo, portanto, aquela sensação aveludada na pele no fim do processo.

O banho de lua costuma ser bastante pedido nas regiões das pernas e dos braços, partes do corpo onde o bronzeado ganha maior destaque. Mas ele pode ser realizado em qualquer parte do corpo.

E olha só que legal: apesar de ter ganho o coração das mulheres, essa técnica também tem sido muito realizada em homens!

Ah, e ATENÇÃO! Antes de tudo, sempre vale ressaltar algumas coisinhas, como:

  • Verifique, antes de começar o procedimento, se você não contém alergia a algum produto.
  • É contraindicado a realização do procedimento em mulheres grávidas.
  • A pele não pode estar com lesões ou processo de cicatrização.

O banho de lua não é exatamente algo novo. Afinal, quem nunca passou descolorante no cabelo e para não jogar o restinho fora deu aquela passadinha nas pernas não é?!

Mas o que realmente se destaca no banho de lua é o processo e o cuidado com que a técnica trata a pele para evitar alergias, ressecamentos de pele e afins.

Entretanto, ir ao salão diversas vezes ao mês (cada pelo cresce na sua velocidade) pode uma verdadeira missão impossível.

Gastar sabe-se lá quanto de dinheiro em sei lá quantas vezes pode ser algo a pesar bastante no orçamento.

Sem falar que, com a quantidade de tempo que você teria que investir a cada ida semanalmente, ou mensalmente no salão, você acabaria com seu tempo para fazer diversas outras coisas.

Apesar de ser muito realizado em salões, clínicas de estética e spa’s o banho de lua pode ser facilmente feito em casa.

Isso mesmo! Já pensou em acabar com aqueles pelos escuros e ainda deixar a pele sedosa com poucos ingredientes e gastando muito menos?

Separei para vocês os dois melhores passo-a-passo que eu encontrei – e aprovei – quando desisti de usar a gilete a cada semana.

É só você escolher o passo-a-passo que mais te agradar, e ele te mostrará como é possível tomar um banho de lua em casa de forma fácil e rápida gastando muito menos.

Banho de lua com toque maior de hidratação

P.S.: Para essa receita, o ideal é você deixar tudo preparado para depois começar o tratamento.

Essa primeira receita é mais elaborada e exige uma maior quantidade de ingredientes.                                Por isso, a nomeei como “toque maior de hidratação” pois é uma receita que contém mais cuidado com a pele.

Você vai precisar de:

  • 3 colheres de sopa de mel.
  • 2 colheres de sopa de aveia em flocos.
  • 3/4 de xícara de chá de leite de soja.
  • Seis saches de chá verdade.
  • 2 xícaras de chá de água.
  • 5 colheres de sopa de mel puro.
  • 6 gotas de óleo de gergilim.
  • Descolorante de sua escolha.
1º passo: Esfoliação:
Misture 3 col. (sopa) de mel + 2 col. (sopa) de aveia em flocos + 3/4 de xíc. (chá) de leite de soja.
A seguir, aplique, com o corpo molhado, nas regiões onde você irá colocar o descolorante.
Deixe agir por 5 minutos e enxágue.
2º passo: Loção calmante:
Faça uma mistura com seis saches de chá verde e 2 xíc. (chá) de água.
Deixe esfriar um pouco e borrife em todo o corpo. Aguarde alguns minutos para que a pele seque naturalmente.
3º passo: Hidratante:
Misture 5 col. (sopa) de mel de abelha puro com 6 gotas de óleo de gergelim.
Aplique no corpo usando um pincel e massageando suavemente.
Deixe agir por 10 minutos.
Remova o excesso com água morna.
4º passo: Aplicação do clareador:
Com a pele seca, aplique o descolorante onde desejar.
Deixe, em média, 15 minutos e depois enxágue com água morna.
O tempo irá depender muito do nível de clareamento que você quiser, mas vale lembrar que os pelos não deverão ficar claros demais ou eles poderão quebrar depois.
5º passo: Hidratação final:
Bata no liquidificador 2 copos de água mineral com 6 gotas de óleo de gergelim e 1 maço de hortelã e coe. Aplique nos locais e massageie.
Enxágue com água morna em seguida.
Banho de lua mais comum
Nomeei esse procedimento de banho de lua mais comum por ele ser um procedimento com um foco maior no banho de lua mesmo e não tanto na hidratação da pele e afins.
Então, se a sua intenção é um banho de lua com ingredientes mais comuns e algo com uma menor quantidade de passos, esse é o procedimento ideal .
Você vai precisar de:
  • Água oxigenada 30 volumes
  • Pó descolorante
  • Esfoliante corporal
  • Hidratante corporal
  • Creme parafinado ou óleo de amêndoas

1º passo: Preparo:

Aplique o creme parafinado ou óleo de amêndoas nas regiões onde irá descolorir os pelos. Ele irá proteger sua pele, evitando coceira e pinicação.

2º passo: Aplicação:

Em um recipiente não metálico, faça a mistura da água oxigenada com o pó descolorante. A medida recomendada na maioria dos casos é de 2 para 1, ou seja 2 medidas de água oxigenada para 1 medida de pó descolorante.

Forme uma pasta espumosa com a mistura dos produtos e aplique nos locais onde você passou o creme parafinado ou o óleo.

Espere cerca de 10 a 20 minutos. O tempo vai depender do nível de clareamento que você escolher. Mas assim como na outra técnica, vou ressaltar que, os pelos não deverão ficar claros demais, ou eles poderão quebrar.

A cada 5 minutos, confira se os pelos estão clareando, se estiverem você pode retirar o excesso da mistura e depois lavar com água morna para tirar os resíduos.

3º passo: Esfoliação:

Faça uma esfoliação no corpo inteiro com movimentos circulares e retire totalmente os grânulos do esfoliante.

4º passo: Hidratação:

Faça a hidratação com um produto de sua escolha.

De preferência, escolha um hidratante que você já use para diminuir os riscos de alergia.

Ele é essencial para dar aquela sensação refrescante na pele. Pode ser usado diariamente e várias vezes ao dia para refrescar e reidratar a pele.

Cuidados necessários no banho de lua:

Assim como qualquer procedimento, o banho de lua também precisa de seus cuidados antes, durante, e depois do seu procedimento e aplicação.

Vamos ver alguns dos principais cuidados que precisamos ter:

  • Caso seja sua primeira vez com o descolorante, o ideal é que você faça o famoso teste de mecha. Antes de fazer o procedimento(pode ser um dia antes), aplique um pouco do produto no braço e espere por até 10 minutos. Espere até o outro dia para ver se não acontecerá alguma reação na pele.
  • Descolorante mancha, portanto, nada de usar aquela roupinha que você tanto ama na hora de passar o produto. Afinal, não queremos que aquela amada brusinha vá para o lixo, não é?!
  • Caso dê alguma coceira ou alergia na região em que você aplicou o produto, retire rapidamente a mistura com a ajuda de água morna.
  • Na primeira aplicação, o ideal é que você não deixe o produto por muito tempo. Se não, o produto poderá clarear demais e você pode acabar se decepcionando com o resultado. E assim você também poderá ter uma noção do tempo que o produto deverá ficar na sua pele para deixar do jeito que você gostar.
  • Não deixe o produto tempo demais em nenhuma aplicação, pois os pelos são sensíveis e, assim como acontece nos cabelos, podem quebrar depois do procedimento.

Então, é isso gurias. Espero que vocês tenham gostado da matéria de hoje e que eu tenha conseguido ajudá-las de alguma forma.

Se você seguiu algum dos nossos procedimentos ou já fez algum outro e quer nos indicar, deixa aquele comentário legal e conta para a gente a sua experiência.

Por hoje, é isso. Nos vemos na próxima! Beijinhos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *